ORIENTAÇÕES PASTORAIS DO SR. ARCEBISPO

Face ao estado de alerta vivido no nosso pais, devido ao CoronaVírus

1. Suspensão das celebrações comunitárias

Esta manhã, a Conferência Episcopal Portuguesa, auscultando todos os bispos diocesanos, determinou a “suspensão da celebração comunitária da Santa Missa até ser superada a actual situação de emergência”. Neste sentido, confirmo, para todo o território da Arquidiocese de Braga, esta determinação, com efeitos imediatos.

Os sacerdotes continuarão a celebrar diariamente a eucaristia, rezando por todo o Povo de Deus, mas sem a presença dos fiéis leigos.

2. Casamentos, baptizados, funerais e orações comunitárias

As orações comunitárias, tais como a Via Sacra, Recitação do Rosário, bênçãos e lausperene, encontram-se igualmente suspensas.

Particular atenção deve ser dada aos matrimónios e baptizados. Sabemos que se trata de um momento especial e há muito desejado, mas as circunstâncias actuais exigem um novo modo de viver este dia tradicionalmente festivo. Perguntamo-nos se não será possível adiar para uma data mais conveniente. Não sendo possível, que sejam celebrados talvez sem a eucaristia, e que o número de presentes na celebração seja estritamente reduzido ao mínimo.

3. Funerais e vigílias pelos defuntos

No que diz respeito aos funerais, determina-se que o mesmo decorra segundo a modalidade “Celebração das Exéquias sem missa”, presente no Ritual das Exéquias, adaptando-se, naturalmente, às circunstâncias do lugar e na presença das pessoas mais próximas ao defunto, evitando-se também quaisquer gestos afetuosos de proximidade, no cumprimento das regras de distanciamento social e etiqueta respiratória.

As Missas Exequiais podem ser celebradas após a superação desta fase crítica ou nas eucaristias que o sacerdote celebrará em particular, sempre sem a assistência de pessoas ou por um grupo muito restrito de familiares previamente validado pelo pároco.

4. Algumas sugestões para viver este tempo invulgar

4.1. Acompanhamento de celebrações: pode assistir, através da página de Facebook da Arquidiocese, à eucaristia celebrada na capela do Paço Episcopal de Segunda a Sábado às 18 horas e no Domingo às 11 horas. Aconselhamos, também, que se siga a eucaristia através dos diversos canais da televisão.

4.2. Leitura da Palavra de Deus: pode consultar a página do Secretariado Nacional da Pastoral da Liturgia para ler e meditar a Palavra de Deus diária.

4.3. Oração diária: as aplicações e serviços Click to Pray, Passo-a-rezar, Laboratório da fé e iBreviary estão disponíveis para ajudar a manter a oração pessoal e familiar.

Sugere-se também o acompanhamento da recitação do Rosário, diariamente às 18h30, na Rádio Renascença. (...)

Na esperança de que brevemente possamos alterar estas orientações, deixo a minha bênção e unidade a todos os sacerdotes e cristãos.

† Jorge Ortiga, Arcebispo Primaz (3Março, 18.30)

Publicado em 2020-03-15

Notícias relacionadas

A mensagem do Papa na histórica bênção Urbi et Orbi de 27 de março de 2020

“Porque sois tão medrosos? Ainda não tendes fé?”

Arquidiocese de Braga lança catequese semanal online

com o Bispo Auxiliar D. Nuno Almeida.

Celebrar e Rezar em Tempo de Epidemia

preparado pelo Secretariado Nacional de Liturgia

D. JORGE ORTIGA

Mensagem sobre o Contributo Penitencial

PROCISSÃO DO SILÊNCIO / PASSOS

Todos são convidados - APELO

MENSAGEM DO PAPA FRANCISCO

Quaresma 2020

desenvolvido por aznegocios.pt